Viagens à volta do meu umbigo. Histórias de uma mãe como as outras
Últimas

Quinta feira de caca

trinta e um de janeiro de...

É todo um requinte, este ...

António Pinóquio

Filha do meio

O sonho concretizou-se

Actividades Extra-Curricu...

Dias felizes

Dias tristes

Teias de aranha

É quando menos me apetece...

Correcção

O que tenho visto através...

Eid Mubarak!

Outra informação importan...

??

Como as pessoas acham que...

E depois de dois fins de ...

Todo um mundo novo

Ao fim de cinco anos dest...

Antigas

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2014

Novembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

mais sobre mim
Terça-feira, 22 de Fevereiro de 2011
No me creo en brujas, pero que las hay, las hay

Não gosto muito de teorias da conspiração tipo estados Unidos, 11 de Setembro, cabalas, campanhas negras e outras coisas que tais... Mas é muito estranho que ontem à noite se tenham reunido milhares de pessoas numa manifestação de apoio ao regime e os media internacionais não tenham sequer referido este facto. Há um blogue da Al Jazeera news que acompanha ao minuto a situação aqui no Bahrain e o último post foi publicado às 19h (hora local) e referia apenas que o GP de F1 tinha sido cancelado devido à situação instável do país. Não acredito em cenários de preto ou branco, bons vs maus. Sei que há muita gente com razão para estar descontente, mas também vejo que ainda assim há coisas que aqui são garantidas a todos: acesso gratuito a educação, saúde, energia e alimentos subsidiados pelo governo (sabem quanto pagamos de electricidade por mês, por exemplo? Nunca mais de 5€), combustíveis ao preço da chuva, uma carga fiscal quase inexistente sobre as pessoas e as empresas.

 

Gostava de saber como é que uma manifestação que paralisou as 3 pontes de acesso a Manama pode ter passado despercebida à Al Jazeera, CNN, BBC, etc... Ou será que não ficava bem dizer que há muitos milhares de Bahrainis que não estão a lutar pela liberdade?

 

A imprensa podia ser mais livre? Claro que sim. A internet poderia ter um acesso menos restrito? Sem dúvida. A resposta aos protestos da semana passada foi desproporcionada e brutal? Ninguém duvida.

 

O Bahrain tem bastantes coisas em que pode melhorar, como a maior parte dos países deste mundo, mas acho que os media deviam fazer uma cobertura mais imparcial das situações...

 

 

imagem da manifestação de apoio ao governo do Bahrain - retirada de uma página do Facebook

Publicado por Vanda às 05:59
link do post | comentar | favorito
pesquisar
 
Fevereiro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
tags

a caminho dos três

a horta já tem direito a etiqueta e tudo

a vida em abu dhabi

a vida no bahrain

afonso

ai portugal portugal

amigos

ant

antónio

antonio

apartes

bebés

bloguices

casa nova

cinema

coisas minhas

coisas minhas pai xico

desabafos

ecologia

educação

escola

eu também posto sobre a crise

facebook

falar do tempo

falar do trânsito

familia

férias

férias em portugal

francisca

futebol mas só porque estamos em alturas

gripe a

língua árabe

living in london

mariana

médicos

música

natal em abu dhabi

natal no bahrain

os nossos dias

pai xico

passeios

por esta blogosfera fora

reclamações

são pedro

saudades

ser mae de 3

tomás

viagens

vida de mãe

vida no bahrain

todas as tags

À volta de outros umbigos